Como Perdoar uma Traição

Nunca é fácil, a traição é algo muito sério e faz muito mal a um relacionamento, quando há traição dentro de um relação, com certeza quebra-se uma corrente, a corrente da confiança, e o sofrimento é inevitável, contudo, uma relação sólida, de muitos anos ou mesmo, se a relação é estável, e de fato há amor verdadeiro entre ambos, deve-se lutar para que a relação continue, se você está decido a perdoar o seu cônjuge, mas ainda não sabe o que fazer, confira as dicas abaixo:

#1 – ENTENDENDO OS SEUS SENTIMENTOS

Não há dúvidas, que o coração fica partido, que as lágrimas surjam e que a tristeza e a decepção invada os nossos sentimentos, é preciso, se reconhecer nesse momento, reconhecer cada sentimento que está surgindo em você, na hora de voltar a conversar com seu parceiro (a) diga-o o que de fato está sentindo, faça ele (a) conhecer os seus sentimentos, é preciso que ele (a) saiba a dor que está causando em você, o sofrimento que isso ocasionou, de fato, é preciso que ele (a) compreenda a sua situação.

Antes de seguir com essa relação, ele (a) precisa entender o quanto você sofreu, o quanto está sentindo, é momento de compreensão, talvez, não seja fácil para ele (a) também, mas, ele (a) precisa te compreender e entender os seus sentimentos, para que a relação funcione.

Para que a relação, continue saudável, é preciso haver arrependimento da parte de quem cometeu a traição, pois, se não houver arrependimento, isso, poderá voltar a acontecer, por isso, é tão importante, saber se colocar no lugar do outro, conhecer os sentimentos do próximo e saber, quanto sofrimento uma traição pode causar a alguém, em uma relação.

#2 – HORA DE CONVERSAR

Uma boa conversa, pode aliviar muitas dores, e não é hora de se fechar, é hora de conversar abertamente, para isso, separe um dia e converse francamente com o seu parceiro (a) sobre, o que aconteceu, muitas vezes, mexer na ferida dói mais, mas há casos, em que se não tocarmos no ferimento, ele nunca vai cicatrizar, e agora é a hora de tratar essa ferida e não escondê-la.

Durante a conversa, busque saber o que aconteceu, quantas vezes eles se encontravam e quando aconteceu a traição, é importante falar sobre isso, não deixe de saber também, o que de fato ele (a) sente pela outra pessoa, busque informações para saber se é apenas um caso ou se tem algo a mais, pergunte ao seu parceiro (a) o que ele sente pela outra pessoa, talvez seja apenas atração física, talvez não sinta nada, ou no pior dos casos, realmente há uma ligação entre eles – Cuidado!

É essencial nesse momento, perguntar como ele (a) se sente sobre o relacionamento de vocês, o que fez com que ele (a) cometesse a traição, o que aconteceu entre vocês que o fez pensar em ter uma relação fora, será que precisa mudar alguma coisa entre vocês? Procure encontrar uma resposta muito clara, isso, norteará, se algo precisa ser mudado entre vocês.

Conversem sobre o que você pode fazer para que o relacionamento continue, o que precisa ser feito para que dê certo, será que o problema é a falta de tempo em que um tem para o outro? Será que está faltando se colocar um no lugar do outro? Talvez, o problema seja a honestidade entre ambos? É hora, de ser flexível, de saber que deve haver mudanças no relacionamento, discutam abertamente o que cada um precisa mudar para que a relação continue.

Quando há uma traição, muita coisa precisa ser mudada dentro de uma relação, se houve a traição com uma colega de trabalho, talvez realmente o melhor caminho, seja ele se demitir, se for com uma colega de faculdade, talvez, deixar de fazê-la ou se transferir, em muitos casos, o melhor é não ceder a tentação, e isso quer dizer, não deixe com que seu companheiro (a) volte a ter proximidades com a pessoa que causou essa situação ao casal. É preciso colocar regras na relação, não será fácil, mas é o caminho mais curto para que tudo volte a dar certo.

#3 – CRIAR UMA ROTINA

Mais do que um casal, devemos ser amigos, e amigos devem estar sempre abertos para conversarem, a conversa cura muitas dores, e uma conversa franca entre o casal deve ser uma rotina, deve-se tornar um hábito, para isso, estabeleça um dia por semana, por exemplo, para os dois conversarem, e conversarem coisas que são de fato importante para que o relacionamento continue, conversem sobre como está a relação, se há alguma coisa que está incomodando, se há algo que alguém precisa mudar, não esqueça, que amar é saber doar-se, é viver em dois, sentindo-se apenas um.

#4 – SINCERIDADE

Não esconda os seus sentimentos, não finja estar se sentindo bem, se você não está, se for preciso chorar, chore, se quiser gritar, grite, de fato, é uma dor muito grande, a traição, é de partir o coração, não esconda isso do seu parceiro (a), seja sempre sincero (a) nas suas conversas, se ainda está doendo muito, deixe ele (a) saber disso, não é hora de se sentir forte, não se engane, não se sabote, seja sincero (a) consigo mesmo e com quem está a sua volta.

COMO MELHORAR O RELACIONAMENTO

Se a relação chegou ao ponto de acontecer uma traição, talvez, seja a hora de rever o que está acontecendo, a relação esfriou? Caiu na rotina? Tudo está muito monótono? É hora de criar estratégias para reverter isso, é hora, de fazer a relação voltar a florescer, é hora de voltar a esquentar a relação, confira as dicas para melhorar o seu relacionamento:

#1 – PASSANDO MAIS TEMPO JUNTOS

Vivemos hoje, uma época em que todo mundo, anda sem tempo, estamos sempre cheios de compromissos e nunca nos “sobra” tempo para fazermos algo que desejamos ou mesmo tempo para relaxar e descansar, no entanto, é de fundamental importância, mudar a nossa agenda, para que o casal, possa passar um bom tempo juntos, isso fará os dois se sentirem mais próximos um do outro, é preciso que os dois se sintam um casal e não dois estranhos na mesma casa, dê um tempo para o seu parceiro (a), seja para conversar, para falar bobeira, para assistirem um filme, para ouvirem música, ou apenas para ficarem abraçados em silêncio, sentir a presença de alguém conosco, é algo muito positivo em uma relação.

#2 – PRATIQUEM UM ESPORTE JUNTOS

Além do esporte ser saudável, pois é uma excelente atividade física, também pode trazer vários benefícios a um casal, por que então não agregar o esporte na rotina de vocês? É um tempo que os dois passarão juntos, se exercitando, conversando, se mantendo ativos, e com a saúde em dia, pode ser futebol, tênis, vôlei, basquete, corrida, caminhada, qualquer tipo de atividade física se enquadra aqui, o importante é se manterem ativos e sempre juntos.

#3 – COLOCANDO-SE NO LUGAR DO OUTRO

Um dos maiores problemas na relação é justamente o fato de não conseguir se colocar no lugar do outro, vivemos do nosso jeito e queremos que todos nos entendem, que as nossa ações sejam respeitadas, que nossos desejos sejam realizados, porém nos esquecemos que não existe só nós, uma relação deve ser construída em ambos os lados, é preciso saber ouvir o outro, é preciso compreender e o mais importante saber se colocar no lugar do próximo, só assim compreenderemos as suas ações, não devemos apenas julgar, apontar o dedo quando algo acontece, é preciso entender o motivo e para isso, é necessário se colocar no lugar do próximo.

#4 – FUGIR DA ROTINA

Percebemos que um relacionamento não vai bem, que a relação esfriou, quando ela caí na mesmice, quando a rotina é sempre a mesma, quando tudo já é esperado, e um grande segredo, para que o relacionamento continue forte é justamente, quebrar a rotina, criar novos programas durante a semana ou fins de semana, isso manterá a relação com novas emoções, se vocês nunca foram a um cinema juntos, talvez seja a hora de ir, talvez uma festa, uma sorveteria, um clube, uma piscina, um show, um teatro, há muitas coisas que podem ser feitas para que a rotina seja sempre interessante e menos previsível, portanto, fuja da rotina e reinvente seus programas.

#5 – APRENDA A PERDOAR

Com certeza durante o caminho da relação haverá decepções, muitas vezes não concordaremos com a atitude tomada por alguém, cada um pensa de uma maneira diferente, cada um tem seus próprios princípios, cada pessoa é construída a partir daquilo que ela viu e vivenciou durante a sua vida, e assim, cada um terá seus próprios motivos de agir como age, com isso, nem sempre corresponderemos aquilo que os outros esperam de nós, e durante uma relação, é preciso que saibamos perdoar, levar em consideração muitos outros fatos acerca do modo de ser de cada um, não podemos acreditar que somos os donos da verdade, que não somos, então, entenda o lado do seu parceiro (a) e aprenda e perdoar, quando for preciso.

#6 – ELOGIE SEMPRE

É muito comum quando fazemos algo errado, alguém nos criticar, dizer onde erramos, dizer como deveríamos ter feito, dizer que não estamos certos, entre outras críticas, porém, praticamente não vemos ninguém nos parabenizando quando fazemos algo certo, e isso vale muito para uma relação, parece que só emitimos a nossa opinião quando é para criticar, mas por que não para elogiar? Com certeza, todos nós gostamos de ouvir elogios, por isso, preste um pouco de atenção no seu relacionamento, será que está faltando elogios? Não perca uma chance de elogiar, reconheça o que o outro faz de bom e com certeza a relação só terá a ganhar.

#7 – CONVERSE SOBRE OS INCOMODOS

A conversa deve ser algo primordial na vida de um casal, contudo, não devemos falar apenas do que está nos fazendo bem, devemos conversar e buscar soluções para o que está nos incomodando, nunca deixe de conversar, se tem algo que está lhe incomodando, de uma atenção especial a isso e evite que o problema se torne maior, todo problema se resolvido no começo, terá uma solução mais fácil.

#8 – EVITANDO O CIÚME DOENTIO

O Ciúme é como uma maçã podre no cesto, ele pode acabar de vez com a relação, pois o ciúme vem, de um sensação de falta de segurança, falta de confiabilidade, já não nos sentimos seguros em relação ao que a outra pessoa diz e sentimos que devemos estar sempre a cercando para confirmar que o amor dela é somente nosso, o ciúme é muito perigoso, e ele deve ser controlado já no começo, se sentir que o ciúme está surgindo, se pergunte o motivo de você se sentir assim, o que está te fazendo sentir ciúmes e o elimine o mais rápido possível, isso também é um bom assunto para a conversa do casal.

#9 – RESERVAR UM TEMPO SÓ PARA OS DOIS

Vivemos de um modo tão agitado, que muitas vezes não sobra tempo para que o casal possa vivenciar um tempo a sós, porém, isso é algo muito importante para que a relação permaneça sadia, não deixe fora da sua agenda um tempo só para os dois, um tempo para se sentirem unidos, para estarem juntos, para se abraçarem, para se sentirem partes um do outro, seja para ver as estrelas em uma noite enluarada, seja para ouvir música abraçados, para assistirem um filme juntos, para se apreciarem, é preciso se sentirem um do outro, a relação só tem a ganhar, reserve um tempo só para os dois.

#10 – NÃO QUEIRA SER O DONO DA VERDADE

Talvez uma das tarefas mais difíceis em uma relação, é ser flexível, é admitir muitas vezes que erramos, é saber ceder em uma discussão, é reconhecer que ás vezes o outro está mais certo do que nós, não podemos ser os donos da verdade, ninguém está certo todo o tempo e temos que reconhecer isso, podemos errar, por isso, não devemos se fechar ao nosso próprio entendimento, a teimosia surge e isso não é saudável para uma relação duradoura, precisamos saber ouvir mais, saber levar em consideração a opinião do outro e juntos, chegar em uma conclusão.

COMO SABER SE VOCÊ DEVE PERDOAR UMA TRAIÇÃO

Muitas vezes, quando percebemos que somos traídos, ou quando o nosso parceiro (a) nos fala o que está acontecendo, nos sentimos sem direção, sem saber qual atitude tomar, com certeza é um choque muito grande, e por isso, ficamos um tanto quanto perdidos em relação ao que devemos fazer, traição é algo sério, e por isso, nesse momento, em que percebemos que fomos traídos, é hora de tomar a maior decisão de todas: Perdoar ou não perdoar a traição?

Primeiramente você deve levar em consideração, como está a sua relação com o seu parceiro, o que você sente de verdade para com ele (a), ainda existe amor entre vocês? Você precisa ter clareza a respeito dessa pergunta, porque sem amor, nada funcionará, apenas adiará um fim já estabelecido, se você perceber que o amor é vivo ainda, que a chama ainda está acesa entre vocês, talvez, seja a hora de lutar para não perder esse amor.

Outra questão muito importante a ser levada em consideração na hora de perdoar uma traição, é saber o que a ocasionou, por que você foi traído (a)? é algo que estava faltando entre o casal? Foi provocado por uma briga entre os dois? A pessoa que traiu estava sã e consciente quando cometeu esse ato? São questões muito importantes e se respondidas honestamente, podem lhe trazer respostas que nortearão a sua decisão.

Se você optou por perdoar a traição, deixe bem claro para o seu parceiro (a) que isso jamais deve voltar a acontecer, muitos precisam passar pelo erro, para dar valor de verdade a uma relação, conversem bem sobre o que aconteceu, falem tudo o que precisam falar e após essa conversa, não voltem a tocar no assunto, não volte a lembrar toda hora sobre a traição, não fique culpando o outro toda hora e nem jogando na cara, depois que passou, passou, assunto encerrado.

CONCLUSÃO

Perdoar uma traição não acontece de uma hora para a outra, é preciso que a confiança volte, que os dois voltem a sua rotina normal, que a confiabilidade seja renovada, é preciso iniciar todo um processo, é preciso reavaliar a relação e tomar as medidas mencionadas durante esse artigo.

Não há dúvidas, que uma traição dói muito, que o sofrimento aparece e que a tristeza vem nos visitar, mas devemos nos manter no controle, devemos dar tempo ao tempo, colocar as coisas no lugar, saber quando é a hora para cada ação, ser paciente e tomar decisões somente com calma, se você vive uma relação forte, sente amor, há uma família, você percebe que foi um deslize, que pode voltar a reestabelecer a sua relação, lute de verdade, a traição não pode acabar com o amor.

É preciso ser forte para prosseguir, mas, num futuro breve, será apenas mais uma má lembrança do passado e nada mais, lutar por amor sempre é válido, use as armas que você tem e veja que a vida ainda pode ser colorida.

Se você gostou desse artigo, deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *